This content is not available in your region

EUA e Rússia anunciam cessar-fogo na Síria a começar às 00h de 27 de fevereiro

Access to the comments Comentários
De  Euronews
EUA e Rússia anunciam cessar-fogo na Síria a começar às 00h de 27 de fevereiro

<p>Os Estados Unidos e a Rússia anunciaram ter chegado a acordo para um cessar-fogo na Síria. O fim das hostilidades deverá acontecer às 00h00 de sábado, 27 de fevereiro. </p> <p>O acordo, ao que tudo indica, cinge-se ao conflito entre o governo sírio, que é apoiado por Moscovo, e os grupos militantes da oposição a Bashar al-Assad, apoiados pelos Estados Unidos. Os diversos grupos envolvidos no conflito armado entre o Governo e a oposição terão de se comprometer a baixar as armas até ao meio-dia de sexta-feira, véspera do cessar-fogo.</p> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="pt" align="center"><p lang="en" dir="ltr">Gratified to see final arrangements concluded today for a cessation of hostilities in <a href="https://twitter.com/hashtag/Syria?src=hash">#Syria</a>. <br /> My full statement: <a href="https://t.co/76DSDBbwHN">https://t.co/76DSDBbwHN</a></p>— John Kerry (@JohnKerry) <a href="https://twitter.com/JohnKerry/status/701848101892575232">22 fevereiro 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> As operações militares sírias, russas e da aliança internacional liderada pelos Estados Unidos contra os grupos Frente Al-Nusra, “Daesh” (grupo autoproclamado Estado Islâmico) e outros grupos considerados terroristas não estão contempladas neste cessar-fogo. <p>O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, considera que este cessar-fogo, a ser implementado, deverá reduzir a violência no país e permitir o aumento da abrangência de ajuda humanitária às vítimas do conflito sírio.</p> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="pt" align="center"><p lang="en" dir="ltr">If adhered to, cessation will lead to decline in violence, expanded delivery of urgently needed humanitarian supplies to <a href="https://twitter.com/hashtag/SupportSyrians?src=hash">#SupportSyrians</a>.</p>— John Kerry (@JohnKerry) <a href="https://twitter.com/JohnKerry/status/701848218653605888">22 fevereiro 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script>