Última hora

Última hora

Gianni Infantino: Da UEFA para a presidência da FIFA

Gianni Infantino é o nono e novo presidente da FIFA até 2019. Este advogado tinha alcançado 88 votos na primeira volta e conseguiu 115 na segunda

Em leitura:

Gianni Infantino: Da UEFA para a presidência da FIFA

Tamanho do texto Aa Aa

Gianni Infantino é o nono e novo presidente da FIFA até 2019. Este advogado tinha alcançado 88 votos na primeira volta e conseguiu 115 na segunda, mais do que os necessários para vencer a eleição.

No seu discurso de vitória prometeu trabalhar com as associações nacionais para limpar o nome da FIFA. Propõe-se recuperar o respeito das pessoas, pela instituição e garantiu que os tempos tristes e de crise terminaram. Para transformar a FIFA propõe-se implementar reformas, melhorar a administração e a transparência:

“Temos de ter orgulho na FIFA, as pessoas têm de ter orgulho na FIFA. Temos de ter orgulho naquilo que vamos fazer juntos. Quero ser presidente de todos, das 209 associações nacionais. Viajei pelo globo e vou continuar a fazê-lo. Quero trabalhar em conjunto convosco para restaurar e construir uma nova era na FIFA na qual o futebol possa estar de novo no centro das atenções”, afirmou Infantino aos mais de duzentos delegados presentes.

Quanto ao congresso este dia não foi apenas de eleições, ainda que esse tenha sido, de facto, o ponto alto. Durante a manhã foram dados passos importantes para a reforma da mais importante instituição do futebol mundial, também como forma de tentar evitar futuros casos de corrupção como os que mancharam a sua imagem.