This content is not available in your region

Troféu para o City em Inglaterra e o adeus do Real ao título em Espanha

Access to the comments Comentários
De  Euronews  com euronews
Troféu para o City em Inglaterra e o adeus do Real ao título em Espanha

<p>No fim de semana foi entregue o primeiro título do ano em Inglaterra. O Manchester City conquistou a Taça da Liga Inglesa no final de uma emocionante sessão de grandes penalidades.</p> <p>Em Espanha, houve dérbi em Madrid com o Atlético a impor a primeira derrota da era Zidane no Real.</p> <h3>Liverpool 1-1 (1-3 g.p.) Manchester City</h3> <p>Já com Pep Guardiola como substituto anunciado, Manuel Pellegrini conquistou a Taça da Liga Inglesa para o Manchester City. Apesar da pressão da comunicação social, o técnico chileno decidiu alinhar na baliza com Willy Caballero no lugar de Joe Hart e venceu a aposta. Após o um igual ao final de 120 minutos, o guarda-redes argentino de 34 anos defendeu três penáltis, foi o melhor em campo e o herói do título que o City conquistou frente ao Liverpool.</p> <h3>Real 0-1 Atlético</h3> <p>O Real Madrid disse adeus ao título em Espanha. No dérbi da capital estava em jogo o segundo lugar na tabela e foi o Atlético a descolar do Real. Um golo solitário de Antoine Griezmann no inicio da segunda parte deixou Ronaldo e companhia a 12 pontos do Barcelona na primeira derrota de Zinedine Zidane à frente dos merengues. O Atlético está a 8 pontos do barça e tem 4 de avanço sobre o Real. </p> <h3>Ases & Aselhas</h3> <p>Um recorde igualado ao final de quase três décadas e uma equipa que sofreu a primeira derrota da época.</p> <p><strong>Em alta</strong>, na estreia Marcus Rashford marcou dois e deu o terceiro a marcar a Ander Herrera na vitória do Manchester United sobre o Arsenal. O avançado tornou-se no mais jovem jogador a marcar dois golos no jogo de estreia como titular na Premier League. Um feito alcançado aos 18 anos e mais 120 dias</p> <p>O Barcelona também segue <strong>em alta</strong>. O líder em Espanha somou o 34.º jogo no campeonato sem perder, igualando o recorde estabelecido pelo Real Madrid em 1989, há 27 anos.</p> <p>Continua a ser o líder incontestado da Liga Francesa, mas o Paris Saint Germain <strong>sofreu a primeira derrota</strong> na Ligue 1 ao final de 37 jogos. O carrasco foi o Lyon, a última equipa a bater o <span class="caps">PSG</span> tinha sido o Bordéus a 15 de março de 2015.</p> <p>O Inter de Milão <strong>perdeu</strong> o clássico com a Juventus, é quinto na Serie A e está longe de ter garantido a presença nas competições europeias na próxima época. As coisas não estão fáceis para o conjunto de Roberto Mancini.</p> <h3>Nos anais do futebol…</h3> <p>O Euro 2004 foi um dos mais atípicos da história da competição. Portugal foi testemunha e vítima da máxima que diz: mais importante do que jogar bonito é ganhar e o troféu acabou nas mãos de quem privilegiou a defesa.</p> <p>A Grécia deixou o aviso logo no jogo inaugural derrotando Portugal no Dragão. As duas seleções voltaram a encontra-se na final, no Estádio da Luz, onde Angelos Charisteas acabou com o sonho luso e deu o troféus aos gregos, que nesse ano organizaram os Jogos Olímpicos. Uma década depois, os dois países estavam sob programas de resgate para evitarem a falência.</p> <h3>Prognósticos pouco fiáveis</h3> <p>Como sempre, avançamos com prognósticos para o próximo fim de semana, mas o mais certo é estarmos errados. Pode partilhar o seu palpite em #TheCornerScores</p> <p>Liverpool 0-2 Manchester City<br /> Roma 2-1 Fiorentina<br /> Sporting 3-1 Benfica<br /> Levante 0-2 Real Madrid</p> <h3>Bloopers</h3> <p>Na madrugada desta segunda-feira, Hollywood viveu mais uma noite dos Óscares. Em jeito de homenagem, aqui ficam as atuações de alguns treinadores, dignas de uma estatueta. E os vencedores são: Louis van Gaal e Diego Simeone.</p>