Última hora

Última hora

Austrália: Um morto e dois feridos seguidos de suicídio em Sidney

Duas pessoas morreram e duas outras ficaram feridas depois de um homem armado ter feito reféns numa fábrica nos arredores de Sidney, em Ingleburn,na

Em leitura:

Austrália: Um morto e dois feridos seguidos de suicídio em Sidney

Tamanho do texto Aa Aa

Duas pessoas morreram e duas outras ficaram feridas depois de um homem armado ter feito reféns numa fábrica nos arredores de Sidney, em Ingleburn,na Austrália.

O cerco, com negociadores e equipa de resposta táctica policiais, durou cerca de seis horas. Três pessoas que se encontravam escondidas no interior da fábrica saíram ilesas.

Um dos mortos é o homem armado, de 33 anos, que se suicidou depois de ter baleado duas pessoas, entretanto hospitalizadas, e de ter matado uma outra, um australiano de 43 anos.

A identidade do atirador não foi ainda revelada e a hipótese de se tratar de um atentado islâmico foi afastada, parecendo tratar-se de um diferendo de negócios.

Em dezembro de 2014, um sequestro feito por um autoproclamado clérigo iraniano, num café no centro financeiro de Sydney, resultou na morte do sequestrador e de duas vítimas após intervenção policial.