Última hora

Última hora

Penas de prisão para o 'gangue dos avôs'

Membros do apelidado ‘gangue dos avôs’ foram condenados pela justiça britânica a penas de seis a sete anos anos de prisão por aquele que ficou

Em leitura:

Penas de prisão para o 'gangue dos avôs'

Tamanho do texto Aa Aa

Membros do apelidado ‘gangue dos avôs’ foram condenados pela justiça britânica a penas de seis a sete anos anos de prisão por aquele que ficou conhecido como o roubo do século no Reino Unido.

Em abril do ano passado os homens com idades entre os 59 e 77 anos acederam à casa forte de Hatton Garden num distrito londrino de joalharias por uma porta lateral do edifício.

Depois usaram material pesado de perfuração para fazer um buraco na parede de betão do câmara.

O grupo ‘limpou’ 19 milhões de euros em joias.

O líder, Brian Reader, de 77 anos, ainda não recebeu a sentença, pois o estado de saúde não lhe permitiu deslocar-se ao Tribunal.

“Se calhar algumas pessoas podem sentir-se tentadas a simpatizar com os que hoje foram sentenciados. No entanto, eles são todos criminosos de carreira que pouco quiseram saber sobre as vitimas roubadas”, diz Craig Turner, responsável da polícia londrina.

Apesar das sentenças, o caso encontra-se longe de estar encerrado, já que um cúmplice permanece foragido e dois terços do saque ainda não foram recuperados.