Última hora

Última hora

Sebastian Coe é ponta de lança na luta contra o doping

Desde que o Meldonium passou a fazer parte da lista de substâncias proibidas, a 1 de janeiro, já 99 desportistas caíram nas malhas de doping. Nem os

Em leitura:

Sebastian Coe é ponta de lança na luta contra o doping

Tamanho do texto Aa Aa

Desde que o Meldonium passou a fazer parte da lista de substâncias proibidas, a 1 de janeiro, já 99 desportistas caíram nas malhas de doping. Nem os consagrados ficam imunes, que o diga Maria Sharapova.

A Agência Mundial Antidopagem alerta para a gravidade da situação mas para já, só a Federação Internacional de Atletismo (IAAF) parece disposta a fazer qualquer coisa.

A IAAF esteve reunida em Monte Carlo e o presidente Sebastian Coe, continua disposto a limpar a imagem da modalidade:

“As autoridades russas precisam de muito trabalho suplementar para cumprir as condições de reintegração. Neste momento, a Federação Russa não tem condições para ser readmitida na Federação Internacional.

Há ainda os casos de Etiópia e Marrocos, que precisam ambos de implementar com urgência um plano de testes nacional, dentro e fora de competição, em coordenação com as autoridades desportivas e de antidopagem.

Quénia, Ucrânia e Bielorrússia foram colocados numa lista de monitorização para assegurar que os seus programas nacionais de antidopagem são significativamente reforçados e o seu progresso será avaliado no final de 2016.”

Jogos Olímpicos sem a Rússia no Atletismo são um cenário difícil de imaginar mas que pode muito bem acontecer. Sebastian Coe admite que os russos precisam de mais tempo, mas tempo é coisa que não há. Faltam menos de cinco meses para o início dos Jogos.