Última hora

Última hora

Campeão do mundo do Go derrotado pela inteligência artificial

O programa de inteligência artificial AlphaGo conseguiu este sábado a terceira vitória consecutiva da partida do jogo de estratégia Go contra o

Em leitura:

Campeão do mundo do Go derrotado pela inteligência artificial

Tamanho do texto Aa Aa

O programa de inteligência artificial AlphaGo conseguiu este sábado a terceira vitória consecutiva da partida do jogo de estratégia Go contra o sul-coreano Lee Sedol, o número um do mundo na última década.

Com esta vitória, o software criado pela companhia de inteligência artificial DeepMind, adquirida pelo Google, venceu o campeonato.

Trata-se de um momento significativo na história da inteligência artificial, pois este jogo oriental de tabuleiro era considerado um dos maiores desafios para os computadores por permitir uma configuração de movimentos muito superior à do xadrez.

O AlphaGo tinha já derrotado no ano passado o campeão da Europa de Go, o francês de origem chinesa Fan Hui.

O programa utiliza o método de “aprendizagem profunda” (Deep learning), concebido na base de camadas de neurónios artificiais que imitam o cérebro humano.

Em 1997, o computador Deep Blue da IBM derrotou o campeão do mundo de xadrez Garry Kasparov.

O progresso abrupto da inteligência artificial tem suscitado receios de especialistas em todo o mundo quanto às possíveis consequências negativas. Em janeiro de 2015, Stephen Hawking, Elon Musk e um vasto grupo de outros especialistas em IA assinaram uma carta aberta que alertava para a urgência de investigação sobre as implicações sociais deste progresso.

Especialistas em Tecnologias de Informação do Instituto de Ética e Novas Tecnologias lançaram recentemente uma petição que exige total transparência no desenvolvimento dos programas de inteligência artificial.