Última hora

Última hora

CE disposta a autorizar redução da oferta láctea

A Comissão Europeia mostrou-se disposta a aceitar uma redução temporária da produção de leite, numa base voluntária, e um aumento de apoios ao

Em leitura:

CE disposta a autorizar redução da oferta láctea

Tamanho do texto Aa Aa

A Comissão Europeia mostrou-se disposta a aceitar uma redução temporária da produção de leite, numa base voluntária, e um aumento de apoios ao armazenamento, em dia de protestos intensos de produtores em Bruxelas.

O executivo comunitário conta, desta forma, ajudar a superar a crise instalada no setor.

“Estamos a implementar um acordo voluntário de gestão de abastecimento de leite. As modalidades serão trabalhadas nos próximos dias para permitir que grupos de produtores, cooperativas e empresas privadas sejam capazes de se envolver na gestão de abastecimento voluntário de leite”, sublinhou o comissário responsável pela pasta da Agricultura, Phil Hogan.

À margem do Conselho de Ministros da Agricultura da União Europeia desta segunda-feira, em Bruxelas, os produtores fizeram ouvir, de forma ruidosa, as preocupações com que se deparam.

“Estamos a produzir em excesso, por isso os preços estão em queda nos mercados globais. Queremos uma regulação a nível europeu. Queremos que a União Europeia atue como deve de atuar”, reiterou Stéphane Delogne, da Federação belga Unida de Grupos de Produtores e Agricultores (FUGEA).

O executivo comunitário anunciou que enviará uma proposta, com caráter excecional, a vários Estados-membros, mas ao que tudo indica a iniciativa deverá esbarrar na resistência de países como a Irlanda.