Última hora

Última hora

Leicester, o "tomba-gigantes" que ameaça ser campeão

Veja como uma equipa de orçamento modesto consegue ser líder isolada da Premier League, à frente dos clubes milionários.

Em leitura:

Leicester, o "tomba-gigantes" que ameaça ser campeão

Tamanho do texto Aa Aa

O treinador italiano Claudio Ranieri é o protagonista de uma história que promete transformar-se num autêntico conto de fadas na Premier League inglesa.

Point of view

Toda a a cidade de Leicester nos apoia, estão a fazer força, mas nós temos de manter a calma e continuar a aproveitar

A equipa que treina, o Leicester City, que há apenas duas épocas estava na segunda divisão e na época passada escapou por pouco à descida, é agora líder da tabela e tem grandes possibilidades de se sagrar, pela primeira vez na história, campeã de Inglaterra.

A vitória desta segunda-feira face ao Newcastle foi apenas o mais recente episódio de uma série de vitórias contra grandes equipas. Ao longo da época, o Leicester já derrotou equipas como o Manchester City, o Liverpool, o Tottenham Hotspur ou o Chelsea.

A equipa tem agora cinco pontos de avanço sobre o Tottenham, segundo classificado. Falta-lhe oito jogos até ao fim do campeonato, incluindo contra dois gigantes, o Manchester United e o Chelsea.

“Acreditem em mim. Continuem. Eu sei que é difícil. É difícil, mas queremos continuar a aproveitar. Os nossos fãs têm um sonho, estão muito orgulhosos de nós e devemos continuar. Agora, é importante manter a calma. Toda a a cidade de Leicester nos apoia, estão a fazer força, mas nós temos de manter a calma e continuar a aproveitar”, disse Ranieri.

O Leicester é uma equipa com um orçamento relativamente modesto, em comparação com os orçamentos milionários de equipas como o Chelsea ou os dois esquadrões de Manchester – City e United.

A maior estrela do grupo é Jamie Vardy, um jogador de 29 anos, agora também na seleção A de Inglaterra, que há poucos anos jogava ainda nos escalões amadores. O Leicester é conhecido por descobrir talentos, como aconteceu nos anos 80 com um certo Gary Lineker.

A antiga estrela da seleção inglesa e do Leicester (mais tarde do Everton) deu a mão à palmatória quanto às críticas que tinha feito relativamente à contratação de Ranieri…