Última hora

Última hora

Lucros do Eurostar em queda

O final de 2015 foi difícil para o Eurostar. O operador das ligações ferroviárias de alta velocidade no Canal da Mancha foi afetado pelos atentados

Em leitura:

Lucros do Eurostar em queda

Tamanho do texto Aa Aa

O final de 2015 foi difícil para o Eurostar. O operador das ligações ferroviárias de alta velocidade no Canal da Mancha foi afetado pelos atentados de Paris, pela valorização da libra e pelas interrupções da linha devido aos migrantes.

No ano passado, o número de passageiros manteve-se estável nos 10,4 milhões.

Já as receitas recuaram 5% para 821 milhões de libras. Os lucros atingiram 34 milhões de libras, o equivalente a 43 milhões de euros, contra 55 milhões de libras um ano antes.

Para este ano, o Eurostar está otimista. As reservas estão de novo em alta, diz a empresa.

Com os comboios de última geração, a empresa poderá transportar mais passageiros entre Paris e Londres. Ao mesmo tempo, lançou novas ofertas e destinos.