Última hora

Última hora

Angelina Jolie visita refugiados em Atenas

A visita da atriz norte-americana Angelina Jolie provocou grande agitação num campo de refugiados que alberga cerca de 4000 pessoas junto ao porto de

Em leitura:

Angelina Jolie visita refugiados em Atenas

Tamanho do texto Aa Aa

A visita da atriz norte-americana Angelina Jolie provocou grande agitação num campo de refugiados que alberga cerca de 4000 pessoas junto ao porto de Pireu, em Atenas.

A embaixadora da Boa Vontade do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados passou cerca de meia hora no local e tinha previsto ser recebida posteriormente pelo primeiro-ministro grego.

Um sírio diz que está “muito contente com a visita” de Jolie e agradece o acolhimento “dos gregos e do seu país”.

Outro refugiado – um afegão – afirma, por seu lado, que poderá “dizer que tem um futuro, quando as fronteiras abrirem”. Para já, diz que “ninguém sabe” e que estão todos “numa situação sombria”.

Entre os meios de comunicação gregos circulava o rumor, não confirmado oficialmente, que Jolie poderia visitar esta quinta-feira Idomeni, onde estão bloqueados milhares de migrantes desde que a Macedónia decidiu fechar a fronteira.

O correspondente da euronews, Panos Kitsikopoulos, diz que a visita da atriz “deu uma sensação de esperança aos cerca de 4000 refugiados que se encontram no porto de Pireu. Na região de Atenas, encontram-se perto de 12.000 migrantes e refugiados; em toda a Grécia, são cerca de 45.000. Só em Idomeni, há 11.000 pessoas registadas, enquanto o governo prepara a evacuação da área, a pedido das autoridades locais. Na cimeira desta quinta-feira, em Bruxelas, Atenas vai pôr na mesa um pedido de assistência financeira aos parceiros europeus”.