Última hora

Última hora

Marinha chilena resgata jangadas da expedição "Kontiki-2"

Os membros da expedição científica norueguesa “Kontiki-2” foram resgatados esta madrugada ao largo da costa do Chile. Os 14 tripulantes das duas

Em leitura:

Marinha chilena resgata jangadas da expedição "Kontiki-2"

Tamanho do texto Aa Aa

Os membros da expedição científica norueguesa “Kontiki-2” foram resgatados esta madrugada ao largo da costa do Chile.

Os 14 tripulantes das duas jangadas sem motor, foram recuperados por um navio da marinha mercante, quando se encontravam à deriva, desde quarta-feira, a 1.600 quilómetros da costa chilena, o destino final da expedição.

A operação de salvamento, coordenada pela marinha chilena, deverá prosseguir este sábado, com a transferência dos tripulantes para uma fragata militar.

Armada coordin� el rescate total de la expedici�n Kon-Tiki 2Jueves 17 de marzo de 2016Se estima que el Patrullero de...

Posted by Zona Austral Pto Montt on�Thursday, March 17, 2016

As más condições meteorológicas tinham desviado as duas embarcações da rota prevista, entre a ilha de Páscoa, de onde tinham zarpado no início de Janeiro, e o porto chileno de ValParaiso.

A expedição formada por 14 pessoas, de nacionalidades norueguesa, sueca, peruana, mexicana, neozelandesa e russa, pretendia repetir a façanha de um dos mais conhecidos exploradores noruegueses, em 1947.

O científico Thor Heyerdahl tinha conseguido cruzar o Oceano Pacífico, à vela, no mesmo tipo de jangadas, durante uma viagem de ida e volta entre o porto peruando de Callao e a cidade de Valparaíso, com escala na Ilha de Páscoa.

A primeira expedição pretendia provar a colonização da Polinésia durante a época pré-colombiana.

A “Kon-Tiki 2”, que não conseguiu concluir a viagem, tinha também por missão recolher dados sobre a poluição e os efeitos do aquecimento global no Oceano Pacífico.