Última hora

Última hora

Molenbeek: habitantes não querem ser tratados como terroristas

No bairro de Molenbeek, onde nasceu e cresceu Salah Abdeslam, os habitantes foram esta sexta-feira impedidos pela polícia, durante várias horas, de

Em leitura:

Molenbeek: habitantes não querem ser tratados como terroristas

Tamanho do texto Aa Aa

No bairro de Molenbeek, onde nasceu e cresceu Salah Abdeslam, os habitantes foram esta sexta-feira impedidos pela polícia, durante várias horas, de voltar para casa.

Queixam-se de que as forças policiais agiram com brutalidade com as pessoas na rua, como se todos aqui fossem terroristas.

Os homem que mora perto de Molenbeek diz que a comunidade marroquina que vive aqui trabalha duramente há mais de 40 ou 50 anos e que o bairro não é uma base de jihadistas.

O bairro de Molenbeek viveu um dia de angústia, paralisado pela operação anti-terrorista, com as ruas bloqueadas, sirenas, explosões e tiros. Resta saber se a célula terrorista foi inteiramente desamantelada.