Última hora

Última hora

Pista coberta: Santos da casa ganham medalhas

Os Mundiais de atletismo em pista coberta terminaram em Portland, no Estado americano do Oregon, com várias vitórias de atletas da casa.

Em leitura:

Pista coberta: Santos da casa ganham medalhas

Tamanho do texto Aa Aa

Nos campeonatos mundiais de atletismo em pista coberta em Portland, no Oregon, Estados Unidos, os santos da casa não fizeram milagres, mas encheram-se de medalhas, embora nos 60 metros barreiras, em masculinos, o pódio tenha sido jamaicano e francês. Omar McLeod, da Jamaica, venceu com o tempo de 7,41 segundos. Os franceses Pascal Martinot-Lagarde e Dimitri Bascou completaram o pódio.

Nos 1500 metros, também em masculinos, a vitória foi para o norte-americano Matthhew Centrowitz, seguido pelo checo Jakub Holusa e pelo neozelandês Nicholas Willis.

Em femininos, na prova de 3000 metros, os dois primeiros lugares do pódio foram para duas etíopes: Genzebe Dibaba, com a medalha de ouro, e Meseret Defar, com a de prata. A americana Shannon Rowbury ficou com o bronze.

Finalmente, neste último dia dos campeonatos, destaque para a vitória da norte-americana Vashti Cunningham no salto em altuia, ao saltar 1,96 metros. A espanhola Ruth Beitia e a polaca Kamila Licwinko ficaram com os outros dois lugares do pódio.