Última hora

Última hora

Segurança reforçada nos aeroportos europeus

Após os atentados de Bruxelas, a segurança foi reforçada nos principais aeroportos e gares na Europa.

Em leitura:

Segurança reforçada nos aeroportos europeus

Tamanho do texto Aa Aa

O aeroporto de Zaventem, palco de um dos atentados de Bruxelas, vai continuar encerrado pelo menos até sexta-feira, informou a agência de notícias belga.

Ainda antes da reunião extraordinária, agendada para esta quinta-feira, dos ministros responsáveis pelas forças policiais nos 28 estados-membros da União Europeia, a segurança foi reforçada nos principais aeroportos e gares na Europa.

França está em estado de emergência desde os atentados de Paris, em novembro, e na cidade, como noutras capitais europeias, para além de patrulhas adicionais foi reforçado o controlo dos passageiros e em especial das bagagens que transportam.

Em Frankfurt, uma viajante afirma sentir-se “bastante segura na Alemanha”. Diz não estar “preocupada” porque vê “polícia por todo o lado” e isso transmite-lhe “segurança”.

Itália elevou o nível de segurança nos aeroportos e convocou uma reunião da comissão nacional de segurança para “avaliar novas medidas para combater e prevenir a ameaça terrorista”.

Portugal reforçou as medidas de controlo dos passageiros e colocou mais patrulhas mistas nos aeroportos.

Na próxima semana, um grupo de peritos europeus vai discutir a introdução de controlos de segurança à entrada dos aeroportos:

O debate sobre o reforço da segurança nos aeroportos também deve chegar ao Congresso dos Estados Unidos: