Última hora

Última hora

Rolling Stones já estão em Havana para concerto histórico

Os Rolling Stones já estão em Havana, onde atuam num concerto gratuito na sexta-feira. O concerto da banda britânica, que vai decorrer na Cidade

Em leitura:

Rolling Stones já estão em Havana para concerto histórico

Tamanho do texto Aa Aa

Os Rolling Stones já estão em Havana, onde atuam num concerto gratuito na sexta-feira.

O concerto da banda britânica, que vai decorrer na Cidade Desportiva de Havana, causa alguma polémica entre os cubanos.

Os Stones são criticados por alguns músicos cubanos dissidentes, que consideram uma hipocrisia dar um concerto que dizem servir a legitimar uma ditadura que continua a perseguir os músicos de rock cubanos, tratados pelas autoridades como drogados e marginais.

Para Gorki Ávila, opositor político e líder da banda de rock Porno para Ricardo, o concerto “É uma vergonha. Primeiro, porque se sabe que o rock ainda é considerado pelo governo algo para viciados em drogas e marginais. Segundo, porque essas estrelas advogam liberdades no mundo, participam de projetos humanistas, e agora vêm, desconhecendo a realidade cubana, validar a falsa imagem de mudança que a ditadura quer oferecer.”

Nos tempos de Fidel Castro, ouvir a música dos Rolling Stones era arriscar uma pena de prisão. O cantor cubano Regino Barredo disse à Deutsche Welle que foi detido em 1967 por escutar uma emissora de rádio americana e só saíu da prisão 14 anos depois.

Este concerto dos Rolling Stones será o último da digressão na América Latina, que passou por Buenos Aires, Rio de Janeiro, Montevideu, Lima, Bogotá e Cidade do México.