Última hora

Última hora

Bruxelas: Tensões em manifestação resultam em detenções na Praça da Bolsa

Cerca uma dezena de pessoas foi detida durante uma concentração não-autorizada no centro de Bruxelas este domingo depois de um grupo violento ter agredido os manifestantes

Em leitura:

Bruxelas: Tensões em manifestação resultam em detenções na Praça da Bolsa

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia belga deteve este domingo cerca de uma dezena de pessoas durante uma manifestação não autorizada por motivos de segurança, mas que acabou por ter lugar na Praça da Bolsa, no centro de Bruxelas.

O objetivo da concentração, convocada com o lema “Marcha contra o Medo”, era o de expressar repúdio pelos ataques jihadistas de dia 22 de março que fizeram 28 mortos e centenas de feridos no aeroporto de Zaventem e no metro da capital belga.

A concentração começou por desenrolar-se de forma pacífica, até que centenas de indivíduos semearam o pânico em diferentes setores da praça. Muitos chegaram à Praça da Bolsa entoando cânticos extremistas e fazendo saudações nazis.

A polícia disse à AFP que cerca de 200 manifestantes vestidos com roupa preta e muitos de cara tapada, identificados como elementos da extrema-direita, gritaram frases anti-imigração, lançaram projéteis incendiários contra as forças de ordem e destruíram mobiliário urbano.

Após momentos de tensão entre os manifestantes e a polícia de choque, as forças de segurança usaram canhões de água para dispersar os grupos violentos.