Última hora

Última hora

Atentado suicida provoca mais de 70 mortos no Paquistão

Aumentou para 72 o número de mortos do atentado suicida deste domingo em Lahore, no Paquistão. A maior parte das vítimas são mulheres e crianças.

Em leitura:

Atentado suicida provoca mais de 70 mortos no Paquistão

Tamanho do texto Aa Aa

Aumentou para 72 o número de mortos do atentado suicida deste domingo em Lahore, no Paquistão. A maior parte das vítimas são mulheres e crianças.

Point of view

Quando me aproximei vi pessoas mortas e feridas por toda a parte

O balanço é ainda provisório já que entre os mais de 300 feridos, 20 se encontram em estado grave.

O ataque reivindicado pelos talibãs ocorreu num parque da cidade perto da zona de jogos para crianças.

“Eu ajudei várias pessoas feridas a entrar na ambulância. Senti-me muito mal com tudo o que aconteceu. Quando fui para casa estava muito afetado” afirma Ikram Arif.

“Estava perto do local quando a explosão ocorreu. Quando me aproximei vi pessoas mortas e feridas por toda a parte. Não havia um verdadeiro dispositivo de segurança” adianta Mohammad Arshad.

Mais de metade das vítimas mortais já foram identificadas. De acordo com a polícia, o homem que se fez explodir no parque tinha 28 anos era paquistanês e natural da província de Punjab. Na altura do ataque, o parque encontrava-se repleto de famílias que celebravam a Páscoa. No Paquistão, os cristãos representam cerca de dois por cento da população composta por 200 milhões de habitantes, maioritariamente muçulmanos.

O governo decretou três dias de luto nacional.