Última hora

Última hora

Participante nos ataques de Paris vai ser extraditado para França

A justiça belga deferiu o pedido de extradição de Salah Abdeslam para França. O terrorista francês participou nos ataques de Paris, de 13 de

Em leitura:

Participante nos ataques de Paris vai ser extraditado para França

Tamanho do texto Aa Aa

A justiça belga deferiu o pedido de extradição de Salah Abdeslam para França. O terrorista francês participou nos ataques de Paris, de 13 de novembro, que fizeram 130 mortos. Capturado nos arredores de Bruxelas quatro dias antes dos atentados na capital belga, Abdeslam mantém-se silencioso. Esta quinta-feira, um dos seus advogados declarou que o cliente deseja agora ser entregue às autoridades francesas e colaborar com a justiça. Paris e Bruxelas vão concertar as modalidades de extradição.

Entretanto, o aeroporto de Bruxelas-Zaventem foi considerado, pelas autoridades aeroportuárias, tecnicamente apto para retomar parcialmente os voos comerciais. Mas não está nenhum agendado antes de sábado. Falta a autorização do governo.

Também esta quinta-feira, as autoridades belgas e francesas levaram a cabo uma operação conjunta em Kortrijk, uma localidade da Flandres junto à fronteira gaulesa. As buscas estão relacionadas com Réda Kriket, detido na semana passada e acusado esta quarta-feira de estar a preparar um ataque iminente em França.