Última hora

Última hora

Voo para Faro na reabertura do aeroporto de Bruxelas

O Aeroporto Internacional de Bruxelas vai reabrir parcialmente este domingo, 12 dias depois de bombistas suicidas terem destruído a zona das partidas

Em leitura:

Voo para Faro na reabertura do aeroporto de Bruxelas

Tamanho do texto Aa Aa

O Aeroporto Internacional de Bruxelas vai reabrir parcialmente este domingo, 12 dias depois de bombistas suicidas terem destruído a zona das partidas de matado 16 pessoas.

No início haverá menos voos em relação ao normal e os procedimentos de segurança vão ser mais apertados.

O objetivo é fazer o aeroporto regressar à normalidade.

“Antes de entrarem no edifício do aeroporto, será feito um controlo prévio. Um controlo prévio sistemático de todas as pessoas que desejem entrar no aeroporto. Nós vamos controlar os documentos de viagem, os documentos de identidade e, naturalmente, compará-los, explica Michael Jonniaux, porta-voz da polícia federal belga.

O aeroporto apenas será acessível por carro, haverá câmaras especiais com sistema de leitura automática de matriculas e vão ser feitos controlos aleatórios de veículos.

Com uma zona provisória de ‘check-in’, o aeroporto vai ter capacidade para lidar com 800 passageiros por hora, ou seja 20% da capacidade normal.

No primeiro dia serão realizados apenas três voos: Faro, Atenas e Turim, operados pela Brussels Airlines.