Última hora

Última hora

"Exibicionismo" dos Rolling Stones faz-se à estrada

Cinquenta anos de rock e ainda com uma incrível energia, os Rolling Stones inauguraram a exibição de uma vida no palco e nos estúdios. Abriram ao

Em leitura:

"Exibicionismo" dos Rolling Stones faz-se à estrada

Tamanho do texto Aa Aa

Cinquenta anos de rock e ainda com uma incrível energia, os Rolling Stones inauguraram a exibição de uma vida no palco e nos estúdios.

Abriram ao público uma coleção privada que depois de Londres vai em digressão em todo o mundo.

Os elementos da banda, com idade de estarem na reforma, deram um saltinho à inauguração. Mick Jagger, o líder e vocalista, tem 72 anos.

“De facto, está com um ótimo aspeto, estou bastante satisfeito e penso que as pessoas vão gostar, quero dizer, se gostarem dos Rolling Stones, senão nem se chateiem em cá vir”, disse Jagger.

“É uma grande surpresa e é atual porque a banda ainda está a trabalhar. É bom ver tudo isto em andamento, a acumular anos, e sabe, cheios de surpresa”, explicou Ronnie Wood, guitarristas.

Das guitarras de Keith Richards aos famosos fatos de Jagger, ou dos pobres estúdios iniciais ao luxo do séc. XXI, são mais de 500 objetos.

A exposição “Exibicionismo” fica em Londres até quatro de setembro depois segue para outras paragens.