Última hora

Última hora

Procurador do TPI recorre da sentença que absolveu ultranacionalista sérvio

O procurador do Tribunal Penal Internacional para a antiga Jugoslávia afirmou, esta quarta-feira, que vai recorrer da sentença que absolveu o

Em leitura:

Procurador do TPI recorre da sentença que absolveu ultranacionalista sérvio

Tamanho do texto Aa Aa

O procurador do Tribunal Penal Internacional para a antiga Jugoslávia afirmou, esta quarta-feira, que vai recorrer da sentença que absolveu o ultranacionalista, sérvio Vojislav Seselj, por “erros graves” na decisão dos juízes. A 31 de março, e contra todas as expectativas, o antigo deputado sérvio foi absolvido de nove acusações de crimes contra a Humanidade e de guerra.

Os juízes consideraram que o fundador do Partido radical sérvio (SRS) não era chefe hierárquico das milícias da formação e que os seus discursos tinham como objetivo aumentar a moral das tropas.

Já para o procurador, Vojislav Seselj “propagou uma política destinada a reunir todos os ‘territórios sérvios’” num Estado homogéneo ao qual chamava ‘Grande Sérvia’. Para a acusação ele é responsável por múltiplas mortes, perseguições, torturas, etc., na Bósnia, Croácia e Sérvia.