Última hora

Última hora

Síria: Governo e oposição a postos para continuar negociações em Genebra

Fim de semana de pausa em Genebra, na segunda ronda de negociações com o objetivo de encontrar um fim para a crise síria. Na sexta-feira, a delegação

Em leitura:

Síria: Governo e oposição a postos para continuar negociações em Genebra

Tamanho do texto Aa Aa

Fim de semana de pausa em Genebra, na segunda ronda de negociações com o objetivo de encontrar um fim para a crise síria.

Na sexta-feira, a delegação do governo sírio, liderada pelo embaixador Bashar Ja’afari, reuniu-se com o enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, avançou com considerações e espera receber algumas respostas da oposição durante a segunda reunião, que está agendada para segunda-feira.

A delegação da oposição síria, chefiada por Assad al-Zoubi, também se reuniu com Staffan de Mistura, e reiterou que nenhum membro do governo de Bashar al-Assad pode participar no governo de transição.

“Há uma ligação muito importante entre o que se passa no terreno e as negociações em Genebra. A escalada militar do regime de Damasco ameaça sabotar o curso das negociações diplomáticas aqui, em Genebra. É muito difícil para a oposição continuar a negociar enquanto acontecem operações militares muito importantes e enquanto se verifica um êxodo em massa ao redor de Aleppo. E, claro, a oposição está bem ciente dessa dificuldade,’‘ considera o analista político Hasni Abidi.

Até agora, as conversações mediadas pela ONU pouco fizeram para acabar com a guerra de cinco anos, que já matou mais de 250 mil pessoas e provocou milhões de refugiados.

“Os negociadores dos dois lados da crise síria vão aproveitar este fim de semana em Genebra para afinarem estratégias antes de retomarem as negociações na segunda-feira. As discussões serão difíceis, dado o enorme fosso entre o regime e a oposição sobre a saída de Bashar al-Assad e a transição política na Síria,” nota a enviada especial da euronews, Faiza Garah.