Última hora

Última hora

Nova tragédia no Mediterrâneo pode ter provocado centenas de mortes

A guarda costeira italiana salvou 108 migrantes e recuperou seis corpos de uma embarcação de borracha em risco de naufragar, no domingo, ao largo da

Em leitura:

Nova tragédia no Mediterrâneo pode ter provocado centenas de mortes

Tamanho do texto Aa Aa

A guarda costeira italiana salvou 108 migrantes e recuperou seis corpos de uma embarcação de borracha em risco de naufragar, no domingo, ao largo da costa da Sicília.

Por confirmar está a informação de que um barco em que seguiam cerca de 400 pessoas, naufragou ao largo da costa do Egito, temendo-se que muitas delas tenham morrido.

“Nós, realmente, precisamos refletir, especialmente hoje, quando enfrentamos mais uma tragédia no Mediterrâneo, na qual, ao que parece, várias centenas de pessoas morreram. Precisamente no dia em que se assinala o primeiro aniversário do naufrágio no qual 800 pessoas perderam a vida,” declarou o presidente italiano Sergio Mattarella

De recordar que as 800 vítimas mortais tentavam atravessar o Mediterrâneo numa embarcação de pesca lotada que se afundou ao largo da costa Líbia no Mediterrâneo, a pouco mais de 200 quilómetros de Lampedusa.

De acordo com as Nações Unidas, 180 mil pessoas tentaram alcançar a Europa por barco este ano, mais de 800 migrantes morreram ao tentar concretizar o sonho.