Última hora

Última hora

Volkswagen anuncia acordo nos Estados Unidos que pode chegar a 10 mil milhões de dólares

Volkswagen anunciou, esta quinta-feira, um acordo, nos Estados Unidos, para comprar de volta ou arranjar cerca de meio milhão de carros. O acordo

Em leitura:

Volkswagen anuncia acordo nos Estados Unidos que pode chegar a 10 mil milhões de dólares

Tamanho do texto Aa Aa

Volkswagen anunciou, esta quinta-feira, um acordo, nos Estados Unidos, para comprar de volta ou arranjar cerca de meio milhão de carros.

O acordo, que segundo analistas pode custar 10 mil milhões de dólares à VW, não é suscetível de pôr fim à controvérsia que começou em setembro passado, quando o segundo maior construtor mundial de automóveis reconheceu ter usado software para enganar os testes de emissões de gases.

“Eu acho que os proprietários dos Volkswagen vão ter de aguardar para ver. Espero que fiquem satisfeitos com o que vão acabar por ver. Mas eles vão ter a hipótese de ver o acordo e, tal como o juiz indicou, quando chegar o momento de rever o documento final, ele vai ouvir todos os pontos de vista antes de o aprovar,” revelou o advogado dos proprietários queixosos, David Boies.

Com a notícia do acordo, que deve ser concluído até 21 de junho, as ações da Volkswagen subiram 6% na quinta-feira, depois de subirem quase 7% na quarta-feira.

“Estamos a trabalhar para resolver isto e fazer com que empresa ultrapasse isto. É nisso que estamos focados,” adiantou o advogado a Volkswagen, Robert Giuffra

A Volkswagen ainda terá de lidar com as multas do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, que farão parte de um aguardado acordo civil, e enfrentar uma investigação em curso que pode levar a acusações criminais.