Última hora

Última hora

Alemanha: protesto contra parceria transatlântica na véspera da visita de Obama

Dezenas de milhares de pessoas manifestaram-se em Hannover, no norte da Alemanha, contra a Parceria Transatlântica para o Comércio e o Investimento

Em leitura:

Alemanha: protesto contra parceria transatlântica na véspera da visita de Obama

Tamanho do texto Aa Aa

Dezenas de milhares de pessoas manifestaram-se em Hannover, no norte da Alemanha, contra a Parceria Transatlântica para o Comércio e o Investimento, projeto defendido por Angela Merkel e Barack Obama.

O presidente norte-americano inaugura, este domingo, com a chanceler alemã, a feira industrial de Hannover.

O protesto contou com 35.000 pessoas, segundo a polícia, 90.000, segundo os organizadores.

Simone Peter, líder do partido dos Verdes, afirma que “não é apenas a população alemã e europeia que está preocupada, mas também os norte-americanos e […] essa é a mensagem [a transmitir] a Obama”.

Hanni Gramann, ativista antiglobalização da organização Attac, diz que “muitos membros de ONGs puderam ver os documentos – nomeadamente a versão em inglês do acordo – e constatar que não se trata apenas de receios: as companhias obterão direitos legais especiais, serão feitos acordos regulatórios e vai desaparecer o princípio da precaução; os factos são estes”.

Os alemães lideram a vaga de contestação contra o projeto de parceria transatlântica: apenas 17 por cento da população alemã vê de forma positiva o acordo, segundo uma sondagem recente. Apesar do fraco apoio também no seu país, o presidente norte-americano fez do projeto uma das prioridades do último ano no poder.