Última hora

Última hora

Obama em 'G5' informal na Alemanha para debater os desafios que o Ocidente enfrenta

A crise migratória, a ameaça terrorista dos jihadistas do "Daesh", os conflitos na Síria, na Líbia, mas também na Ucrânia, a eventualidade de um "Brexit" - a saída do Reino Unido da União Europeia e a

Em leitura:

Obama em 'G5' informal na Alemanha para debater os desafios que o Ocidente enfrenta

Tamanho do texto Aa Aa

A realidade é substancialmente mais impressionante do que a ficção terá pensado Angela Merkel, quando experimentou uns óculos de realidade virtual na Feira de Hanôver, que visitou na companhia de Barack Obama.

A crise migratória, a ameaça terrorista dos ‘jihadistas’ do “Daesh”, os conflitos na Síria, na Líbia, mas também na Ucrânia, a eventualidade de um “Brexit” – a saída do Reino Unido da União Europeia e a situação económica na Europa também preocupam a administração norte-americana, que ainda quer ver aprovado o acordo de comércio livre (TTIP) entre os dois blocos antes de Obama deixar a Casa Branca, em janeiro do próximo ano.

Estes temas dominam a agenda da cimeira informal desta tarde de um ‘G5’ na qual, para além do presidente norte-americano e da chanceler alemã, estarão presentes os primeiros-ministros de Itália e do Reino Unido, Matteo Renzi e David Cameron, e o chefe de Estado francês, François Hollande.

Esta é a penúltima viagem de Obama à Europa. O presidente americano regressará ao velho continente para a Cimeira da Nato, em julho, na cidade de Varsóvia, na Polónia.