Última hora

Última hora

EUA: Economia abranda mas mercado de trabalho deixa antever um futuro radioso

Crescimento nos Estados Unidos fica abaixo das previsões, mas a pujança do mercado de trabalho dá ótimos indicadores para o resto do ano

Em leitura:

EUA: Economia abranda mas mercado de trabalho deixa antever um futuro radioso

Tamanho do texto Aa Aa

Como é tradição no primeiro trimestre, o crescimento da economia americana abrandou, mas a pujança do mercado de trabalho, destacada pela Reserva Federal, deixa antever bons resultados para o resto do ano.

O abrandamento do consumo e a quebra nos investimentos, em particular das petrolíferas, levaram a um crescimento, em termos anuais, de apenas 0,5% nos primeiros três meses do ano, contra 1,4% no período imediatamente anterior. O interesse está agora em conhecer os resultados do segundo trimestre, normalmente o mais forte em termos de crescimento, que no ano passado foi de 3,9%.

Os gastos dos consumidores avançaram apenas 1,9% no trimestre, mas o rendimento disponível das famílias cresceu 2,9% e a poupança também aumentou para 712,3 mil milhões de dólares contra 678,3 mil milhões de dólares nos últimos três meses do ano passado.

O investimento da indústria recuou e os gastos na exploração mineira e nos poços de petróleo e gás colapsaram com uma quebra recorde de 86%.

A desvalorização do dólar, que já recuou 2,6% este ano deixa antever uma recuperação das exportações nos três trimestres que restam este ano.

Também há quem discorde de um cenário otimista para o resto do ano: