Última hora

Falar ao telemóvel de ou para outro país da União Europeia já é mais barato

Falar ao telefone para o estrangeiro ou a partir do estrangeiro já é mais barato dentro da União Europeia. Este sábado, 30 de abril, começaram a ser

Em leitura:

Falar ao telemóvel de ou para outro país da União Europeia já é mais barato

Tamanho do texto Aa Aa

Falar ao telefone para o estrangeiro ou a partir do estrangeiro já é mais barato dentro da União Europeia. Este sábado, 30 de abril, começaram a ser praticados os novos preços de “roaming” definidos pela Comissão Europeia para os 28 Estados-membros.

De acordo com as novas regras, o valor máximo de “roaming” (utilização no estrangeiro de um telemóvel associado a uma determinada operadora nacional) de uma chamada efetuada por um dispositivo português no estrangeiro, mas dentro do espaço europeu, é agora de 5 cêntimos por minuto. Receber uma chamada, custa agora 1,14 cêntimos/ minuto.

(Hoje: As tarifas de ‘roaming’ na UE caíram para os valores mais baixos de sempre!
A partir de 15 de junho de 2017 vão deixar de existir.)

Enviar uma “sms” (mensagem escrita) custa agora apenas 2 cêntimos e o tráfego de dados móveis (o acesso à internet) desce de 20 para 5 cêntimos por “megabyte”. A estes preços há ainda que somar o IVA aplicado no país de origem.

A redução do custo de utilização de um telemóvel português no espaço europeu tem, assim, um impacto de quase 80 por cento no bolso dos consumidores.

Estes novos preços vão estar em vigor até 15 de junho de 2017, altura em que a prolongada “batalha” da Comissão Europeia para acabar com as “fronteiras” das comunicações móveis entre os “28”, as chamadas tarifas de “roaming”, chegará ao fim e falar ao telemóvel sem custos adicionais passará finalmente a ser um direito dos cidadãos europeus.