Última hora

Última hora

Ilha grega celebra Páscoa Ortodoxa sem "guerra de foguetes"

Todos os anos, a localidade grega de Vrontados, na ilha de Chios, é palco de uma “guerra de foguetes” entre duas paróquias rivais para celebrar a

Em leitura:

Ilha grega celebra Páscoa Ortodoxa sem "guerra de foguetes"

Tamanho do texto Aa Aa

Todos os anos, a localidade grega de Vrontados, na ilha de Chios, é palco de uma “guerra de foguetes” entre duas paróquias rivais para celebrar a Páscoa Ortodoxa. Milhares de pequenos projéteis são lançados entre duas igrejas, localizadas a escassos 400 metros de distância, durante a missa da meia-noite. A tradição, que dura há pelo menos 125 anos, foi interrompida em 2016, por ordem de um tribunal, a pedido de dois residentes locais.

A decisão judicial provocou a ira entre a população de Vrontados, que saiu ontem à rua em protesto, munida de bandeiras negras para marcar o “luto” sobre os festejos.

Segundo as autoridades locais, os dois residentes apelaram à Justiça por receio pela segurança das suas casas, que se encontram em plena “linha de fogo”.