Última hora

Defeitos dos "airbags" Takata arrastam Honda para o vermelho

A recolha de veículos, devido a defeitos nos “airbags” Takata, sai cara à Honda Motor. O grupo registou prejuízos de 93,4 mil milhões de ienes

Em leitura:

Defeitos dos "airbags" Takata arrastam Honda para o vermelho

Tamanho do texto Aa Aa

A recolha de veículos, devido a defeitos nos “airbags” Takata, sai cara à Honda Motor. O grupo registou prejuízos de 93,4 mil milhões de ienes, equivalentes a 755 milhões de euros, no trimestre terminado a 31 de março.

Os analistas esperavam lucros.

O grupo automóvel viu quase quadruplicar os custos com a recolha de veículos.

Entretanto, a Honda anuncia que vai convocar à oficina mais 20 milhões de veículos em todo o mundo, devido aos defeitos nos “airbags” produzidos pela empresa nipónica Takata. Estes estão na origem de várias mortes nos Estados Unidos e na Ásia.

No total, o construtor automóvel vai recolher 50 milhões de veículos.

A nova recolha terá um custo adicional de 200 mil milhões de ienes, cerca de 1,63 mil milhões de euros.