Última hora

Em leitura:

Hong Kong: "número três" do regime chinês promete ouvir pedidos de maior autonomia

mundo

Hong Kong: "número três" do regime chinês promete ouvir pedidos de maior autonomia

Publicidade

O “número três” do regime chinês iniciou esta terça-feira uma visita a Hong Kong com a promessa de ouvir os pedidos da população para uma maior autonomia da ex-colónia britânica face a Pequim.

O presidente do Parlamento chinês, Zhang Dejiang, é o mais alto responsável a visitar o território desde 2012.

À chegada a Hong Kong, prometeu ouvir “as sugestões e exigências de todos os setores da sociedade acerca da aplicação do princípio de um país, dois sistemas, de um nível elevado de autonomia para Hong Kong, da implementação da Lei Básica e da forma como o país e Hong Kong se devem desenvolver”.

Oficialmente destinada à participação numa conferência económica, a visita de Zhang Dejiang é interpretada como um gesto do regime comunista para apaziguar tensões.

Recordando o movimento de protesto pela autonomia que ocupou as ruas de Hong Kong em 2014, várias ONGs pró-democracia convocaram uma marcha para esta quarta-feira contra a crescente influência de Pequim.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte