Última hora

Em leitura:

Reino Unido: Referendo sobre o "Brexit" é daqui a um mês

economia

Reino Unido: Referendo sobre o "Brexit" é daqui a um mês

Publicidade

O Reino Unido poderá mergulhar numa longa recessão se escolher sair da União Europeia no referendo de 23 de junho.

A um mês da consulta popular, o Tesouro britânico revelou uma nova análise das consequências do “Brexit”.

O documento estima que o PIB poderá contrair entre 3,6 e 6%, a inflação pode disparar, os preços imobiliários podem afundar 10% e a dívida pública poderá aumentar cerca de 31 mil milhões de euros.

O primeiro-ministro David Cameron fala de opção de “autodestruição”: “O choque económico, se sairmos da União Europeia, vai arrastar o país para a recessão. Poderia ser, pela primeira vez na história, uma recessão criada por nós próprios”.

O ministro das Finanças, George Osborne, acrescenta: “Em dois anos perderíamos pelo menos meio milhão de empregos. E essa é a estimativa mais baixa. No Reino Unido poderemos perder até 820 mil empregos”.

O relatório do Departamento do Tesouro é o último de uma longa série de documentos, já revelados por organizações internacionais, que alertam para os efeitos negativos de um eventual “Brexit”.

Os defensores do “Brexit” consideram que o relatório do governo é “desonesto”.

Boris Johnson, ex-presidente da câmara de Londres e defensor da saída do Reino Unido da UE, ironiza a campanha de intimidação: “Porque enviamos 10 mil milhões de libras por ano para Bruxelas? Uma parte é gasta por amigos, sabem, outra parte é gasta por toureiros espanhóis. Acham que os contribuintes britânicos devem financiar toureiros espanhóis? Certamente que não”.

Os defensores do “Brexit” preferem centrar a campanha no tema da imigração.

As últimas sondagens não permitem determinar qual o campo vencedor. Os indecisos representam mais de 10% do eleitorado.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte