Última hora

Ucrânia: Pelo menos 17 mortos num incêndio em casa de repouso ilegal

Pelo menos 17 pessoas morreram num incêndio numa zona residêncial próxima de Kiev, Ucrânia, este domingo. O proprietário do edifício é suspeito de gerir um lar para idosos de forma ilegal.

Em leitura:

Ucrânia: Pelo menos 17 mortos num incêndio em casa de repouso ilegal

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 17 pessoas morreram num incêndio numa zona residencial próxima da capital ucraniana próxima de Kiev este domingo. A informação foi avançada pelos serviços de emergência da Ucrânia.

O fogo terá começado nas primeiras horas da madrugada de domingo num edifício particular onde vivem 35 pessoas, localizado na povoação de Litochky, situada 37 quilómetros a nordeste de Kiev.

Segundo um porta-voz dos serviços de emergência ucranianos, foi possível salvar 18 pessoas, 5 das quais foram, entretanto, hospitalizadas com queimaduras. Algumas vítimas inspiravam mais cuidados do que outras.

O Primeiro-Ministro ucraniano Volodymyr Groysman disse que o fogo foi “uma terrível tragédia que causou danos irreparáveis” e apelou a uma imediata investigação para que sejam descobertas as suas causas.

Entretanto, a polícia ucraniana informou que o proprietário do edifício foi detido sob suspeita de gerir uma casa de repouso para idosos de forma ilegal e sem contar com as credenciais necessárias para o efeito e cobrando cerca de 215 euros mensais aos residentes. Segundo a polícia, foi aberta uma investigação.