Última hora

Última hora

Austrália analisa novos destroços para saber se pertencem ao voo MH370 da Malaysia Airlines

Em leitura:

Austrália analisa novos destroços para saber se pertencem ao voo MH370 da Malaysia Airlines

Austrália analisa novos destroços para saber se pertencem ao voo MH370 da Malaysia Airlines
Tamanho do texto Aa Aa

Mais de dois anos após o seu desaparecimento, novas pistas estão a ser analisadas sobre o voo MH370 da Malaysia Airlines.

As autoridades australianas estão a verificar o que parecem ser restos de uma aeronave encontrada na ilha de Kangaroo na costa sul da Austrália.

Os destroços foram localizados por um homem que procurava troncos, Samuel Armstrong, explica: “Tropecei no que penssava ser um pedaço de madeira e depois vi que parecem pedaços de um avião e perguntei-me de onde poderiam ter vindo.”

Ao todo, foram encontrados até agora cinco fragmentos do avião incluindo os descobertos na costa leste de Moçambique e um pedaço de asa recolhido em julho de 2015 na ilha francesa de Reunião, a leste de Madagáscar.

Jochen Kaempf, oceanógrafo explica: “Há uma possibilidade que sejam desse voo, porque estão no percursos de desvio de correntes no sul do Oceano Índico.”

A Austrália lidera uma operação em que também participam Malásia e China, que busca os destroços do avião numa área de aproximadamente 120 mil quilómetros quadrados no Oceano Índico.