Última hora

Em leitura:

Responsáveis da seleção inglesa pedem civismo a adeptos

mundo

Responsáveis da seleção inglesa pedem civismo a adeptos

Publicidade

Os responsáveis pela seleção inglesa apelaram aos fãs para que se mantivessem longe de conflitos durante o Euro 2016, depois da UEFA ter ameaçado com a expulsão do campeonato europeu.

Num vídeo difundido na segunda feira, o director técnico da equipa inglesa, Roy Hodgson, manifestou a sua preocupação aos adeptos: “Como diretor técnico da equipa inglesa, estou obviamente preocupado com a ameaça que paira e as sanções que podem ser impostas à equipa da Inglaterra. Assim, apelo-vos que se mantenham longe de apuros e tentem assegurar que estas ameaças não são cumpridas e que nós possamos tentar dar o nosso melhor para ficar nesta competição através das capacidades futebolísticas.”

O capitão de equipa, Wayne Rooney, mostrou a mesma preocupação e pediu um apoio saudável: “Gostava de agradecer aos fãs ingleses pelo enorme apoio dentro do estádio no jogo contra a Rússia e agora temos um grande jogo contra o País de Gales pela frente. Quero pedir aos adeptos que não têm bilhete, que por favor não viajem. E aos que têm bilhete, mantenham-se a salvo e continuem com o vosso grande apoio aos jogadores.”

A ameaça da UEFA, que se declarou “repugnada” e que não hesitaria em impor sanções incluindo “a potencial desqualificação das respectivas equipas da competição”, estendeu-se à seleção russa, após os confrontos violentos verificados em Marselha antes do jogo e no estádio, quando um grupo de adeptos russos invadiu uma bancada de fãs ingleses após o jogo do Grupo B que opôs as duas equipas.

A UEFA declarou ainda que investigaria alegações de comportamentos racistas e o arremesso de mísseis e engenhos pirotécnicos. Anunciou também que as sanções a aplicar à Rússia pelos incidentes verificados no estádio Velodrome seriam comunicadas na terça feira.

Os confrontos entre adeptos verificaram-se ao longo de três dias, em Marselha e obrigaram à intervenção da polícia anti-motim com gás lacrimogéneo.

Desde o início do Euro 2016, 63 pessoas foram detidas.

O próximo jogo da Inglaterra, face ao País de Gales, joga-se em Lens, na quinta feira, 16 de junho.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte