Última hora

Em leitura:

Ventos do 'Brexit' resfriam bolsa de Wall Street pelo segundo dia consecutivo

mundo

Ventos do 'Brexit' resfriam bolsa de Wall Street pelo segundo dia consecutivo

Publicidade

Os apelos à calma de Londres não conseguiram evitar uma segunda sessão consecutiva no vermelho, do outro lado do Atlântico, para a bolsa de Wall Street.

Os mercados financeiros norte-americanos voltaram a encerrar em baixa, com o Dow Jones Industrial em queda de 1,5% e o S&P500 a contrair-se em 1,8%.

O valor do crude não resistiu igualmente à ressaca do ‘Brexit’ ao perder 1,97%, acentuando a tendência negativa desde a abertura da sessão.

O valor da libra, esse, continua a refletir a inquietação dos investidores, quando a moeda britânica registou esta manhã o valor mais baixo em 30 anos relativamente ao dólar.

Um cenário que segundo os analistas poderia agravar-se nos próximos meses, quando Londres anunciou a criação de um novo gabinete do governo para gerir a questão do Brexit.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte