This content is not available in your region

Euro2016: Vikings islandeses fazem a festa

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Euro2016: Vikings islandeses fazem a festa

<p>Vieram do norte e estão a aterrorizar o Euro 2016. Os ‘vikings’ da Islândia apuraram-se para os quartos-de-final do campeonato da Europa depois de carimbarem o passaporte de regresso dos ingleses.</p> <p>Os adeptos não cabem de si de contentes. A Islândia era considerada uma das seleções mais fracas da competição. </p> <p>“Sabe, os vikings estão de volta. É a época dos vikings”, diz um adepto.</p> <p>“Foi simplesmente fantástico – o sentimento mais fantástico que senti desde há muito anos, desde que o meu filho nasceu ou coisa parecida. É simplesmente uma loucura”, afirmou outro islandês.</p> <p>“Estou chocada, mas não surpreendida. Temos verdadeiramente uma boa equipa e são de facto os nossos melhores jogadores. E eles fazem de tudo, uns pelos outros”, explica uma mulher.</p> <p>Momento de festa até domingo, altura em que defrontam a anfitriã França, uma das favoritas para vencer a competição.</p> <b>Canto de guerra dos ‘vikings’ islandeses</b> <blockquote class="twitter-video" data-lang="en"><p lang="en" dir="ltr">This is great! Congratulations <a href="https://twitter.com/hashtag/iceland?src=hash">#iceland</a>. Amazing! <a href="https://t.co/xfuFm6fwAI">https://t.co/xfuFm6fwAI</a></p>— dreamer (@thetzski) <a href="https://twitter.com/thetzski/status/747613348905156613">June 28, 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <blockquote class="twitter-video" data-lang="fr"><p lang="en" dir="ltr"><a href="https://twitter.com/hashtag/Reykjavik?src=hash">#Reykjavik</a> right now <a href="https://twitter.com/hashtag/Iceland?src=hash">#Iceland</a> <a href="https://twitter.com/hashtag/EURO2016?src=hash">#EURO2016</a> <a href="https://t.co/EC31OBoIvS">pic.twitter.com/EC31OBoIvS</a></p>— Iceland Magazine (@IcelandMag) <a href="https://twitter.com/IcelandMag/status/747570047003033600">27 juin 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script>