Última hora

Em leitura:

"Brexit significa Brexit", ministra do Interior britânica na corrida a chefe do executivo

mundo

"Brexit significa Brexit", ministra do Interior britânica na corrida a chefe do executivo

Publicidade

Theresa May, a atual ministra do Interior britânica, apresentou a sua candidatura à liderança dos conservadores e, consecutivamente, a Primeira-ministra do Reino Unido.

May, que apoiou discretamente a permanência do país na União Europeia, fez questão de frisar que a decisão dos britânicos está tomada e que agora há que fazer a melhor negociação possível, mas que é preciso tempo:

“Brexit significa Brexit. A campanha foi travada, a votação realizada, a participação foi elevada e o público deu o seu veredicto.

Não deve haver legislativas até 2020. Tudo deverá decorrer normalmente, no seu tempo, sem qualquer tipo de orçamento de emergência. E o artigo 50 não deve ser invocado até que a estratégia britânica esteja acordada e seja clara, o que significa que o artigo 50 não deve ser invocado antes do final deste ano”, afirmou May.

Theresa May, de 59 anos, foi nomeada ministra do Interior em 2010, por David Cameron. Encetou batalhas, segundo a própria, duras, mas conseguiu manter-se no cargo depois da reeleição do primeiro-ministro em 2015.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte