Última hora

Última hora

Presumível "cérebro" dos atentados de Istambul foi preso e libertado duas vezes

Foram divulgadas as imagens dos supostos atacantes e presos vários alegados cúmplices.

Em leitura:

Presumível "cérebro" dos atentados de Istambul foi preso e libertado duas vezes

Tamanho do texto Aa Aa

Os atentados de Istambul terão sido organizados por um checheno, listado pela ONU como responsável pelo treino militar de operacionais do Daesh na antiga URSS.

allviews Created with Sketch. Point of view

"Dizem que fazem estes ataques em nome do Islão, mas isso não é verdade. Eles vão para o inferno."

Recep Tayyp Erdoğan Presidente da Turquia

A imprensa turca divulgou imagens dos alegados executantes dos ataques.

Akhmed Chatayev terá sido o cérebro da operação. É uma figura muito conhecida no meio antiterrorista. Foi já preso e ferido duas vezes, mas de ambas as vezes foi libertado devido a subterfúgios legais. O congressista americano Michael McCaul, presidente da Comissão de Segurança Interna, garante que foi ele o responsável.

Entretanto, a polícia turca prendeu 11 suspeitos de pertencerem à célula do Daesh responsável pelo ataque.

O presidente Recep Tayyp Erdoğan reagiu num encontro com apoiantes em Istambul: “Viram o que aconteceu no aeroporto. Muito provavelmente, o responsável foi o Daesh. Dizem que fazem estes ataques em nome do Islão, mas isso não é verdade. Eles vão para o inferno”, disse Erdoğan.

As autoridades turcas divulgaram também o vídeo de segurança do aeroporto Ataturk, que mostra as pessoas a fugir em pânico e um dos alegados terroristas.

O governo diz que os operacionais tinham nacionalidades russa, quirguiz e uzbeque.