Última hora

Em leitura:

Deutsche Bank apela à UE por fundo de resgate de 150 mil milhões

economia

Deutsche Bank apela à UE por fundo de resgate de 150 mil milhões

Publicidade

O economista-chefe do maior banco alemão, o Deutsche Bank, apelou à União Europeia (UE) pela criação de um fundo de resgate de 150 mil milhões de euros. Em entrevista à edição de domingo do jornal alemão Die Welt, David Folkerts-Landau afirmou que “a Europa está extremamente doente e deve começar a lidar com os problemas o mais rápido possível ou pode haver um acidente.”

O responsável do Deutsche Bank está preocupado sobretudo com a situação da banca italiana, onde o crédito malparado está a pressionar o setor, mas também certamente face a alguns problemas já identificados em Portugal, embora a uma escala de menor gravidade para a UE.

Os efeitos do Brexit também ameaçam agravar a situação nos próximos tempos e o Deutsche Bank, tal como o Fundo Monetário Internacional (FMI) tem alertado, poderá ser um dos atingidos por tabela nesta eventual crise.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte