Última hora

Em leitura:

EUA: continuam protestos contra a morte de dois negros pela polícia

mundo

EUA: continuam protestos contra a morte de dois negros pela polícia

Publicidade

E os protestos contra a morte de dois homens negros pela polícia em apenas 48 horas continuaram, no domingo, em várias cidades dos Estados Unidos.

A polícia deteve mais de cem pessoas no sábado à noite e domingo de manhã, em Baton Rouge, sobretudo por estarem a ocupar uma estrada principal. Mas houve quem tivesse ajudado os manifestantes para evitar mais detenções…

“Eu e a minha filha estávamos no alpendre e percebemos que os manifestantes que estavam na rua iam ser detidos. Pedimos-lhes que viessem para o jardim, por segurança. Como eu disse ontem, eu tenho amigos no outro lado da rua. Preocupo-me com eles e são bons polícias, mas estas pessoas necessitavam de um refúgio e eu proporcionei-lhes isso”, explicou Lisa Batiste.

Em Atlanta, na quarta noite consecutiva de protestos, os manifestantes pediram uma reforma policial. E já está marcada uma nova manifestação para esta segunda-feira à noite.

Houve também uma marcha na baixa de Chicago, onde se ouviram palavras de ordem pedindo que se acabe com as mortes e lembrando que as vidas dos negros importam.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte