Última hora

Em leitura:

Turquia reabre base aérea da NATO após deter responsável da instalação

mundo

Turquia reabre base aérea da NATO após deter responsável da instalação

Publicidade

A Turquia reabriu esta tarde a base aérea de Incirlik, no sul do país utilizada pela NATO e a aviação norte-americana e encerrada durante a tentativa de golpe militar de sexta-feira.

O Pentágono anunciou que as operações da coligação militar internacional contra o grupo Estado Islâmico (EI) foram retomadas, depois de Ancara ter encerrado o seu espaço aéreo a aviões militares no início do fim de semana.

O governo turco tinha ordenado, esta manhã, a detenção do responsável da base, o general Bekir Van e de uma dezena de militares, acusados de cumplicidade com os golpistas.

Segundo um responsável turco citado pela agência France Presse, as autoridades suspeitam que os aviões que bombardearam na sexta-feira o parlamento e o palácio presidencial em Ancara teriam sido reabastecidos em Incirlik.

O encerramento repetino das instalações tinha criado fricções entre Washington e Ancara, ao ameaçar as operações contra o EI na Síria e no Iraque.

Cerca de 1500 militares e civis norte-americanos encontram-se atualmente em Incirlik, onde os EUA têm estacionados vários drones, aviões de ataque A-10, aviões de guerra eletrónica Prowler assim como vários aparelhos de reabastecimento.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte