Última hora

Em leitura:

Tiroteio EUA: Alegado autor dos disparos publicou vários vídeos em que denuncia opressão de afro-americanos

mundo

Tiroteio EUA: Alegado autor dos disparos publicou vários vídeos em que denuncia opressão de afro-americanos

Publicidade

O homem identificado como autor do ataque deste domingo em Baton Rouge, nos Estados Unidos já tinha publicado alguns vídeos no Youtube onde se queixa do comportamento das autoridades em relação à comunidade afro-americana. Gavin Long, um ex-Marine e que chegou a participar em missões no Iraque, apela a uma resposta dura e garante que não pertence a qualquer grupo organizado ou extremista.

Um dia depois da morte de cinco polícias numa manifestação em Dalas, a 7 de Julho, Long publicou um vídeo no YouTube onde elogiava a acção dos atiradores — “Isto é justiça”.

Gavin Long era de Kansas City, no Missouri celebrou 29 anos extamente este domingo dia em que terá morto três polícias e feriu outros três. Long acabou por ser abatido durante a operação das autoridades.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte