Última hora

Em leitura:

O adeus de Garry Marshall, ícone das sitcoms

cinema

O adeus de Garry Marshall, ícone das sitcoms

Em parceria com

Hollywood perdeu um ícone esta terça-feira.

Morreu Garry Marshall, cineasta criador de sucessos como a série “Happy Days”, o filme “Pretty Woman” e “Princess Diaries”, entre muitos outros.

Outras obras que marcaram a sua longa carreira incluem a série para televisão “The Odd Couple” adaptada a partir de uma peça de teatro da Broadway.

Esta comédia de costumes foi criada e produzida por Marshall em 1970 com base na peça de teatro da autoria de Neil Simon sobre dois homens divorciados e com estilos de vida diferentes que são forçados a partilhar um apartamento.

“Happy Days”

A série “Happy Days”, igualmente da autoria de Marshall, estreou em 1974, mantendo-se nos ecrãs durante uma década. Esta série tornou-se conhecida pelo personagem desempenhado por Henry Winkler, “The Fonz”, descrito como um ícone cultural pela revista “Variety”.

As notícias da morte de Garry Marshall, que contava 81 anos de idade, levaram a uma enorme vaga de tributos nas redes sociais.

Depois de “Happy Days”, Marshall criou a série “Laverne & Shirley,” uma sequela de “Happy Days” transmitida pela cadeia ABC entre 1976 e 1983.

“Pretty Woman”

No grande ecrã, Marshall realizou “Pretty Woman”, um enorme sucesso em 1990 que contava com estrelas como Julia Roberts e Richard Gere. Julia Roberts acabaria por ser nomeada para o Oscar de melhor atriz e o filme ganhou também uma nomeação para os Globos de Ouro.

“Mothers Day

Marshall esteve ainda envolvido em filmes populares como “The Princess Diaries,” “Beaches” e “The Flamingo Kid”. A sua última obra foi “Mothers Day”, que estreou recentemente.

“A Julia e eu temos algo em comum. Gostamos de ir para casa porque temos uma casa para onde ir. É por isso que nos concentramos no que temos que fazer e continuamos a trabalhar. A Julia é uma grande atriz. Todos sabem como chorar mas a Julia sabe como não chorar, e mesmo assim fazer-nos sentir como se algo tivesse acontecido. É isso que ela faz neste filme”, afirmou o conhecido realizador na estreia daquela que seria a sua última contribuição para Hollywood.

Artigo seguinte