Última hora

Em leitura:

Imagens de tortura em reformatório chocam Austrália

mundo

Imagens de tortura em reformatório chocam Austrália

Publicidade

As imagens de tortura num centro de detenção juvenil deixaram os australianos em estado de choque. Os vídeos divulgados por uma estação de televisão nacional referem-se a um estabelecimento de Darwin, no norte do país. As vítimas eram de etnia aborígene.

O primeiro-ministro, Malcolm Turnbull, rejeitou os apelos a um inquérito alargado a todos os centros de detenção juvenil e explicou porquê:

“Estes inquéritos são mais efetivos quando os termos de referência são claramente definidos, é feito um inquérito profundo e é feito um relatório. As comissões que duram anos e anos, de acordo com a minha experiência, são uma desilusão.”

A população aborígene é vítima de discriminação crónica. Atualmente o país conta 23 milhões de habitantes, 700 mil são indígenas, 27 por cento dos quais estão na prisão. Perto de 140 mil nativos vivem abaixo do limiar da pobreza.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte