Última hora

Em leitura:

Qabala, no Azerbaijão, reúne artistas de todo o mundo

Cult

Qabala, no Azerbaijão, reúne artistas de todo o mundo

In partnership with

Qabala é uma das mais belas e antigas regiões do Azerbaijão. Nos últimos oito anos, o Festival Internacional de Música de Qabala acolheu artistas de todo o mundo.

“Este é o ano do multiculturalismo no Azerbaijão. Adoramos representar uma variedade de culturas no nosso festival. Estamos muito orgulhosos disso”, disse Farhad Badalbeyli, diretor artístico do festival.

Um bailarino de uma companhia de flamenco comenta: “Somos todos irmãos. Nascemos em Granada, no sul de Espanha, em Andaluzia. Quando chegamos a um lugar novo, estamos nervosos, questionamo-nos como será o público.”

Outra diz: “Assim que começam a ouvir a guitarra, a voz do cantor e a energia da dança é como se os corações se unissem num só.”

O Azerbaijão também participa com a sua música étnica. Na noite de mugham, reconhecida pela UNESCO como uma obra-prima, ouviram-se músicas tocadas pelos instrumentos tradicionais do Azerbaijão.

“É uma recarga de energia para o futuro quando jovens músicos podem participar num festival de música internacional tão prestigiado”, afirmou Polad Bülbüloğlu, embaixador do Azerbaijão na Rússia.

“A atmosfera neste festival faz emergir a bondade e a amizade entre as pessoas, é disso que precisamos hoje no mundo”, acrescentou Polad.

O Festival Internacional de Música de Qabala realiza-se todos os anos no verão, entre julho e agosto.

Artigo seguinte