Última hora

Em leitura:

Síria: combates intensos entre rebeldes e forças pró-Assad reduzem Alepo a escombros

mundo

Síria: combates intensos entre rebeldes e forças pró-Assad reduzem Alepo a escombros

Publicidade

Na Síria, os combates intensos entre rebeldes e as forças pró-Assad pelo controlo da cidade de Alepo provocaram a morte a 13 civis, nas últimas horas, adiantou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

Em 31 de julho, os rebeldes, com a ajuda do grupo jihadista Fatah al-Sham (ex-Front al-Nosra que renunciou à sua filiação com a Al Qaeda), lançaram, a sul da capital económica do país, uma contra ofensiva para romper o cerco imposto pelo regime aos bairros controlados pelos rebeldes.

Depois de conseguir recuperar algumas áreas, os rebeldes perderam terreno para o exército que teve o auxilio de combatentes iranianos, do Hezbollah libanês e da aviação do aliado russo.

Foi através de panfletos lançados de aviões pró-Assad que a população que se encontra em zonas controladas por rebeldes ficou a saber que os corredores humanitários estavam a funcionar, adiantaram fontes próximas do regime.

A sul de Alepo continuam os combates entre os rebeldes e os pró-regime pelo controlo do bairro de Ramoussa.

Nos bairros de Leste, cercados desde 17 de julho, encontram-se 250 mil pessoas a quem falta de tudo.

Segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos, desde 31 de julho, morreram pelo menos 115 civis, entre os quais 35 crianças.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte