Última hora

Em leitura:

Síria: Rebeldes anunciam ter quebrado cerco de Alepo

mundo

Síria: Rebeldes anunciam ter quebrado cerco de Alepo

Publicidade

A oposição síria anunciou ter quebrado o cerco levado a cabo pelas forças governamentais que já durava há um mês na cidade de Alepo.

Rebeldes, moderados e mais radicais, como a frente al-Nusra, declararam ter capturado Ramousah, onde se encontra uma importante base do exército.

A confirmar-se as forças leais ao Presidente Bashar al-Assad ficariam isoladas na zona ocidental de Alepo, outrora a cidade mais populosa do país e agora palco de batalhas de vida ou morte para os rebeldes.

O governo nega que o cerco foi quebrado e explicou ter recuperado a base de Ramousah.

Entretanto, na província de Alepo, há notícia de uma iminente importante derrota do autoproclamado Estado Islâmico.

Forças curdas apoiadas pelos Estados Unidos, anunciaram ter conseguido recuperar o controlo quase total da cidade de Manbij, no norte, junto à fronteira com a Turquia.

Manbij era considerada um bastião dos jihadistas.

Um porta-voz das forças aliadas, citado pela agência Reuters, anunciou que ainda há combates, mas que 90 por cento da cidade foi libertada dos guerrilheiros sunitas radicais.

Os EI desmente.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte