Última hora

Em leitura:

Presidenciais EUA: A batalha dos impostos

mundo

Presidenciais EUA: A batalha dos impostos

Publicidade

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Na campanha para as presidenciais americanas, os impostos são o tema da mais recente batalha entre Donald Trump e Hillary Clinton.

O candidato republicano promete reduções radicais nos impostos pagos pelas empresas: “As políticas devem ser orientadas no sentido de manter os empregos e a riqueza dentro do território americano. Segundo o meu plano, nenhuma empresa americana vai pagar, em impostos, mais que 15% do volume de negócios. Por outras palavras, reduzimos os impostos de 35% para 15%”, disse Trump.

Hillary Clinton aproveitou a deixa dada pelo adversário e prometeu que, com ela, nada vai ser assim e os ricos vão pagar pelos mais pobres.

Segundo a candidata democrata, o plano fiscal de Trump, em vez de garantir os empregos, apenas ajuda os multimilionários como ele: “O plano de Trump implica reduções gigantescas nos impostos das grandes empresas e dos super-ricos, como ele e quem lhe escreveu aquele discurso. Nós vamos fazer com que os mais ricos paguem a sua justa parte. Como tenho dito, ao longo desta campanha, não vou subir os impostos à classe média. Mas, com a vossa ajuda, vamos aumentá-los aos mais ricos, porque é aí que o dinheiro está”.

Hillary respondeu assim às ideias propostas por Trump em Detroit, no Michigan, aquela que já foi a capital da indústria automóvel americana e é hoje uma região minada pelo desemprego. Há uma semana, Trump apresentou um conjunto de 13 conselheiros económicos.

O candidato dos republicanos sofreu um revés com a carta, assinada por 50 figuras do próprio partido ligadas à defesa, que dizem não votar em Trump, por “representar um perigo à segurança do país”.

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte